Após finalizar o curso de Serviço Social na Fundação Universidade do Tocantins (Unitins), um aluno foi impedido de colar grau por falta de documentação que comprovavam que havia realizado os estágios exigidos na grade curricular. Porém, Vanilson Gomes Ribeiro denunciou que recebeu uma cobrança de propina de um supervisor de estágio para liberação dos documentos necessários p...
Faça o seu cadastro e acesse até 05 matérias exclusivas por mês gratuitamente.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine o Jornal do Tocantins!
QUERO SER ASSINANTE
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários