Após o anúncio do desbloqueio de R$ 9,5 milhões dos recursos que estavam contingenciados desde março para a Universidade Federal do Tocantins (UFT), o reitor Luís Eduardo Bovolato lembrou que o orçamento é referente à metade do bloqueado no início do ano, aproximadamente R$ 18 milhões. Ainda assim, essa liberação deve dar um alívio nas contas, sendo uma das maiores preocup...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários