“Com o coração a mil por hora, porque Deus estava me dando uma nova oportunidade de recomeçar e ser feliz”. Essa é a resposta que Nádia Guerra dá quando alguém pergunta como foi seu casamento, realizado no último final de semana em Palmas. Até aqui essa reportagem estaria citando uma cerimônia comum, se na história não envolvesse dois noivos com deficiência física, u...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários