O Sindicato dos Médicos (Simed) divulgou na noite desta sexta-feira, 6, uma sentença do juiz José Maria de Lima, da 2ª Vara da Fazenda de Palmas, que reconhece o direito dos médicos de ter a conversão da carga horária em plantões médicos diferente daquela que o governo do Estado fixou na Medida Provisória nº 5, convertida pela Assembleia Legislativa na  Lei nº 3...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários