Dídimo Heleno
 
O Tribunal Superior do Trabalho condenou uma universidade a indenizar um professor de 78 anos de idade que foi demitido por telegrama. Por maioria, a Corte entendeu que a forma da demissão do profissional, “com excelente reputação na empresa e sem qualquer falta ou advertência” foi, além de despótica,…

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários