Com objetivo de não comprometer a bacia do Rio Formoso e manter produção e agrícola, um acordo firmado entre o Ministério Público do Tocantins (MPTO) e o Distrito de Irrigação Rio Formoso (Dirf) foi homologado pelo Poder Judiciário nesta quarta-feira, 23. A homologação do juiz Wellington Magalhães, realizada em audiência de conciliação entre o promotor de Justiç...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários