O ex-secretário estadual da Juventude entre 2009 e 2010 Joaquim Parente Júnior preso preventivamente nesta segunda-feira (15/4) durante a fase ostensiva da Operação Krank, que investiga a contratação da instituição privada FETEJ (Federação Tocantinense de Empresas Júnior) para a execução do programa federal ProJovem Urbano, no Tocantins, passará por audiência de custódia às...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários