O Tribunal do Júri condenou, por maioria, um ex-policial e mais dois homens acusados de integrar um grupo de extermínio e matar um jovem em Colinas do Tocantins, a 262 km da Capital. O julgamento terminou às 3h50 da madrugada desta quinta-feira, 29, sendo que os acusados e mais outro réu já foram condenados, em junho, por tentativa de homicídio de um adolescente.   O ex-policial, Gildevan das Neves, juntamente com os auxiliares de serviços gerais, Deusiran Silva e Luciano Gomes Sa...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários