Em dez anos, o Tocantins perdeu 88 leitos de internação pediátrica do Sistema Único de Saúde (SUS), aqueles destinados a crianças que precisam permanecer no hospital por mais de 24 horas, conforme a pesquisa da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP). Os números do levantamento vêm dos dados do Cadastro Nacional de Estabelecimento de Saúde (CNES), mantidos pelo Ministério d...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários