Atualizada às 12h25 Ao realizar atendimentos na Casa de Prisão Provisória de Paraíso do Tocantins (CPPP), a Defensoria Púbica do Estado (DPE-TO) se deparou com escovas de dente, isqueiros, aparelhos de barbear e pedaços de madeira sendo utilizados pelos presos para prender as redes nas paredes das celas da unidade prisional. Conforme apuração feita na última quarta-f...
Faça o seu cadastro e acesse até 05 matérias exclusivas por mês gratuitamente.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine o Jornal do Tocantins!
QUERO SER ASSINANTE

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários