A defesa de Eduardo Augusto Rodrigues Pereira (Duda Pereira) protocolou nesta quarta-feira, 11, as alegações finais citando sobre a falta de provas que leve à Justiça indicar o acusado para ser julgado no tribunal do júri. Duda Pereira é a acusado de ser o mandante da morte do empresário do ramo de combustíveis Wenceslau Gomes Leobas, conhecido como Vencim, em janeiro d...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários