A atuação do deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ) em defesa do regime militar tumultuou a sessão realizada pela Câmara nesta terça-feira sobre os 50 anos do golpe de 1964. A sessão foi encerrada quando ele subiu à tribuna para discursar em nome de seu partido. No plenário, parlamentares e militantes presentes ficaram de costas para a Mesa Diretora. Comandando a sessão, o dep...
Faça o seu cadastro e acesse até 05 matérias exclusivas por mês gratuitamente.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine o Jornal do Tocantins!
QUERO SER ASSINANTE
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários