O secretário de Segurança Pública do Tocantins, Cristiano Sampaio, esteve presente na audiência pública extraordinária na última quarta-feira, 4, durante cerca de quatro horas, para dar esclarecimentos sobre o fim da Delegacia de Repressão a Crimes de Maior Potencial contra a Administração Pública (Dracma). Ele foi convidado pela Comissão de Segurança Pública e Combate a...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários