O ministro da Educação, Abraham Weintraub, afirmou nesta terça-feira (7) que a expansão do modelo de Ensino Superior nos governos anteriores foi uma “tragédia”. Weintraub, que substitui o ex-ministro Ricardo Vélez, demitido em 8 de abril, ainda criticou os modelos de investimento em educação, como o Fies. O economista reiterou que o dinheiro investido pelos ...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários