Uma Ação Civil Pública pede o bloqueio de bens do ex-prefeito do município de Cachoeirinha, Zélio Herculano de Castro, de uma empresa e de outros sete envolvidos em improbidade administrativa. A ação posposta pelo Ministério Público Estadual (MPE) pede a indisponibilidade no valor de R$ 53 mil. Segundo o órgão, as investigações constataram irregularidades no processo lic...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários