O presidente da Câmara Municipal de Pequizeiro Valdez de Souza Lima Filho é alvo de uma ação de improbidade ajuizada nesta quinta-feira, 24, pelo promotor Rogério Rodrigo Ferreira Mota após ter contratado seu sobrinho o advogado Leopoldo Lima e o escritório dele para assessorar o Legislativo municipal. A ação inclui ainda o vereador Antônio Lemos de Almeida, presidente da comissão de…

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários