O presidente do Tribunal de Justiça do Tocantins, desembargador Helvécio Maia, não fez coro à corrente aliada ao governo do Estado sobre um possível acordo entre todos os poderes para fixar a data-base única de 1% para todos os órgãos e poderes.

A "insurreição" do chefe do Poder Judiciário está veiculada no "Zap Justiça", uma publicação interna do Tribunal de Justiça. No episódio de…

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários