O governo aposta que na sexta terá o paradigma de uma nova administração. Assume uma nova legislatura que, tudo indica, dará aprovação às medidas que o Executivo observa como necessárias para buscar o equilíbrio fiscal.

Para a nova estrutura que projeta mais enxuta, deve fazer uso de medidas provisórias que tem eficácia imediata. Já o orçamento não pode ser executado com a…

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários