Uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) foi ajuizada pelo Ministério Público Estadual (MPE) junto ao Tribunal de Justiça (TJ-TO), com pedido de liminar em face da lei que estabelece novos valores para o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) no município de Palmas. Para o órgão fiscalizador, a lei aumentou de forma inconstitucional o valor cobrado dos co...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários