Um Rubem Braga que se opõe a Getúlio Vargas. Outro que acompanha a boemia carioca tocando uns sambas em caixas de fósforo. E mais um que fica com os olhos cheios ao ver telas de artistas.É uma trinca de reis o que agora está na mesa. Chegam às prateleiras, em uma caixa, três edições com textos do cronista inéditos em livro. E cada um com um recorte próprio: um sobre ...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários