O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, foi ao Twitter criticar a votação ocorrida hoje na Assembleia Nacional da Venezuela que tornou o deputado Luis Parra, seu presidente. Parte da oposição ao presidente Nicolás Maduro chamou a votação de "golpe", já que parlamentares ligados a Juan Guaidó foram impedidos de entrar para votar no Palácio Legislativo, incluindo o...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários