Magazine

Milhares de fiéis participam de missa no Santuário Senhor do Bonfim

Festejos ocorrem desde o último dia 5 e reforçam a fé de devotos

Djavan Barbosa
Milhares de fiéis durante missa no Santuário

Entre o último dia 5 e esta quarta-feira, 15, aconteceu os festejos em homenagem ao Senhor do Bonfim, em uma tradição de mais de 200 anos atrai a atenção de milhares de fiéis para o povoado Bonfim, distante 23 km de Natividade, no Tocantins. Na manhã de ontem, a partir das 7h30, ocorreu a saída da imagem do Senhor do Bonfim, seguida por uma missa celebrada pelo Bispo de Porto Nacional, Dom Romualdo.

A celebração emocionou quem participou da missa, como a dona de casa Maria Bernardina dos Santos, de 88 anos, que foi até o povoado junto com a família, toda devota de Senhor do Bonfim. “Fazia 20 anos que eu não assistia, mas esse ano eu fui. Antes eu ia todos os anos com meus irmãos. A missa foi muito boa e é muito importante a celebração, porque o Senhor do Bonfim já fez muitas graças na minha vida. Fui para agradecer”, disse a devota. A missa também contou com a participação de políticos do Estado.

Nesta quinta-feira, 16, ainda ocorrerá a Missa dos Romeiros, que também será celebrada por Dom Romualdo, a partir das 7 horas.

História

A origem da devoção ao Senhor do Bonfim, em Natividade, tem início na metade do século XVIII. Diz à lenda que uma imagem foi descoberta no povoado do Bonfim e, de lá, encaminhada para Natividade. A imagem teria sumido e reaparecido no local onde foi encontrada pela primeira vez. Após inúmeras tentativas de manter a imagem em Natividade, sem sucesso, os fiéis teriam dado início ao movimento que hoje é a tradicional romaria, fazendo o trajeto entre as duas localidades a pé para pedir as bênçãos do Senhor do Bonfim.

“Mas essa é a lenda, o que sabemos com toda certeza é que a imagem foi encontrada por vaqueiros que começaram a rezar no local e a tradição, que é secular, foi crescendo e crescendo. Na verdade a história se perde no tempo, já que naquela época não se faziam registros”, conta o padre Leomar Sousa da Silva reitor do santuário do Bonfim.

Ainda conforme o padre, Bonfim é a imagem de Jesus Cristo Crucificado. “Nesse período de cerca de quinze dias, milhares de romeiros vem até a comunidade e vivemos em oração”, relata.

Djavan Barbosa
Uma grande fila de carros se formou no caminho para o Povoado Bonfim, distante 23 km de Natividade
Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ASSINE JÁ