O reeducando Leandro Dias Souza, que no último domingo, 24, rompeu o lacre da tornozeleira eletrônica que utilizava e deixou na porta da Central de Flagrantes de Gurupi, Sul do Estado, com um bilhete, voltará a cumprir pena em regime fechado, conforme decisão da Justiça. Souza cumpria pena em regime semiaberto por roubo e, conforme a decisão do juiz José Maria Lima, ...
Faça o seu cadastro e acesse até 05 matérias exclusivas por mês gratuitamente.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine o Jornal do Tocantins!
QUERO SER ASSINANTE
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários