- O principal advogado de defesa de Oscar Pistorius no seu julgamento pelo assassinato da modelo Reeva Steenkamp questionou ontem e tentou minar os depoimentos de algumas das testemunhas apresentadas pela acusação, que disseram ter ouvido gritos e os tiros na noite de que o atleta paralímpico matou a sua namorada. O advogado Roux disse que as semelhanças nos relatos indicam que eles fizeram suas versões coincidirem em detrimento da verdade. O atleta admite ter matado Reeva, mas disse que cometeu engano ao pensar que se tratava de um ladrão.