Esporte

CBF adia grande finalíssima da Copa do Brasil após tragédia com avião da Chapecoense

Por meio de nota, a Confederação Brasileira de Futebol comunicou o adiamento da partida entre Grêmio e Atlético-MG; não foi informado quando a segunda partida será disputada

Lucas Figueiredo/CBF
Troféu da Série B será entregue ao Atlético neste sábado (26), em Goiânia

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou na manhã desta terça-feira (29) nota informando o adiamento da final da Copa do Brasil após o acidente com o avião da Chapecoense. Grêmio e Atlético-MG se enfrentariam nesta quarta-feira (30), em Porto Alegre.

"A CBF comunica o adiamento da final da Copa do Brasil, entre Grêmio e Atlético Mineiro, inicialmente prevista para amanhã. Definições a respeito deste jogo serão informadas ao longo do dia", disse a entidade em nota.

O Grêmio foi a primeira equipe a se manifestar sobre o acidente: "Chape, estamos contigo! Manifestamos nossa solidariedade neste momento de tristeza", afirmou o clube gaúcho.

Em seguida, o presidente do Atlético-MG, Daniel Nepomuceno, disse por meio das redes sociais que a disputa da segunda final da competição havia perdido o sentido. "Com a tragédia acontecida, não há nenhum sentido na realização do jogo amanhã, diante do Grêmio. Solidariedade e respeito acima de tudo", escreveu.

No jogo de ida, no Mineirão, os gaúchos venceram os mineiros por 3 a 1.

A CBF não informou quando a segunda partida será disputada.

Reprodução/Twitter
Contraste: Jogadores do Grêmio comemoram terceiro gol do time no Mineirão. Atrás, torcedores atleticanos se desesperam
Reprodução/Twitter
Contraste: Jogadores do Grêmio comemoram terceiro gol do time no Mineirão. Atrás, torcedores atleticanos se desesperam
Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ASSINE JÁ