A fonoaudióloga Adriana Martins Ferraz conta que durante muitos anos teve funcionária com carteira assinada em sua casa e garante que todas tinham seus direitos assegurados. Porém, a empregada doméstica, que há seis anos prestava serviços em sua residência, concluiu o ensino superior no primeiro semestre do ano passado e a partir daí, a entrevistada resolveu contratar u...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários