Apesar de apresentar um crescimento nos casos de focos de calor no mês de maio, o Tocantins registrou um alto recuo no número de registros observados pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). Em comparação com o ano passado, o Estado tem apenas 3% mais focos de calor de janeiro a julho deste ano, sendo 1.549 casos, do que no ano passado, quando foram 1.502. E...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar o Jornal do Tocantins

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários