Com o foco na necessidade de disponibilização de pontos de apoio para testagem de caminhoneiros que transitam pela BR-153 no Tocantins, órgãos públicos e de segurança participaram de reunião por teleconferência  nesta terça-feira.Araguaína e Paraíso já realizaram algumas ações devido parcerias entre as gestões municipais e a Polícia Rodoviária Federal (PRF). 

Conforme o Ministério Público do Tocantins (MPTO), que esteve na reunião, a intenção é que estes profissionais sejam testados. Também deve ser definidos protocolos e estratégias para o acolhimento de caminhoneiros em suspeita ou com diagnóstico de Covid-19.

Estiveram presentes videoconferência gestores de saúde e assistência social das cidades de Araguaína, Gurupi e Colinas do Tocantins, que estão às margens da rodovia federal. Estes se se responsabilizarão por informar sobre a definição destas estratégias e protocolos. 

A medida é necessária, porque conforme lembra o MPTO, o Tocantins vem registrando casos de caminhoneiros infectados pelo novo coronavírus, incluindo registro de morador de outro estado e do próprio Tocantins que vieram a óbito.

Participaram representantes do MPTO e PRF, além do Ministério Público do Trabalho (MPT), Ministério Público Federal (MPF), Polícia Militar (PM), Secretaria Estadual de Saúde (SES), Secretaria Estadual do Trabalho e Desenvolvimento Social (Setas), Serviço Social do Transporte (Sest) e Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (Senat).

Araguaína

Em Araguaína, uma ação de orientações e vacinação a caminhoneiros que passam pela BR-153 já acontece. Nesta semana, os atendimentos seguem até está quinta-feira, 30, e retomam na próxima semana. Os motoristas recebem atendimento médico, orientações de saúde, vacinação contra influenza e testagem rápida para Covid-19.

O mutirão acontece das 18 às 21 horas nos postos de combustível da cidade às margens da rodovia. O serviço teve início na última sexta-feira, 24, e tem o objetivo é avaliar a saúde dos caminhoneiros, orientá-los em relação à Covid-19.  Também é objetivo  imuniza-los os caminheiros contra a influenza, já que o grupo faz parte do público-alvo dessa fase da campanha.

Paraíso

Em Paraíso do Tocantins, no último dia 16, quando começou a segunda etapa da campanha de vacinação contra o vírus influenza, os motoristas de caminhão que passavam pelo posto de atendimento da PRF  recebiam as vacinas. 

Na data, a Secretaria Municipal de Saúde de Paraíso informou que a decisão de atender na rodovia foi tomada porque muitos motoristas profissionais passam pelo local. A ação contribui com as medidas de prevenção ao novo coronavírus.