O Ministério Público do Tocantins (MPTO) instaurou um procedimento administrativo para apurar a aplicação das políticas públicas ambientais nos municípios abrangidos pela Promotoria Regional Ambiental do Alto e Médio Araguaia, a cargo do promotor Francisco Brandes Júnior. Diz o órgão que a medida visa "proteger o meio ambiente dos danos causados por queimadas e incêndios f...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar o Jornal do Tocantins

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários