O diretor-presidente da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), Antonio Barra Torres, pediu ao presidente Jair Bolsonaro nesta quarta-feira (10) que vete o trecho da medida provisória aprovada pelo Congresso que dá prazo de cinco dias para que a agência dê aval a vacinas contra a Covid-19. Caso isso não ocorra, a agência não descarta ir ao STF (Supremo Tribun...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar o Jornal do Tocantins

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários