Em uma rede social, o prefeito de Palmas Carlos Amastha, um dos alvos da Operação Nosotros da Polícia Federal (PF), publicou que caso a PF encontrar evidências contrarias a sua inocência ele não assumirá a prefeitura para a próxima gestão. Amastha foi reeleito para mais quatro anos à frente da gestão municipal com 52,38% dos votos.  Se encontrarem qualqu...
Faça o seu cadastro e acesse até 05 matérias exclusivas por mês gratuitamente.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine o Jornal do Tocantins!
QUERO SER ASSINANTE
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários