José Antônio da Silva e seu filho, José Antônio da Silva Júnior, ambos de idades não informadas, foram presos na manhã desta segunda-feira, 9, acusados de furtar 19 cabeças de gado, em 2016, no município de Paraíso do Tocantins, a 63 km da Capital. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP-TO), os homens foram presos devido a mandados de prisão expedidos pela Vara C...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários