O Ministério Público do Tocantins (MPTO) expediu, nesta segunda-feira, 25, recomendações à Secretaria Estadual de Saúde e à Secretaria Municipal de Augustinópolis para que emitam, imediatamente, protocolo de atendimento. A orientação é que as secretarias e também a chefe do Departamento de Divisão de Regulação, Maria Concita Guimarães, expeçam documento com o núme...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários