Um pedido de bloqueio de mais de R$ 425 mil de contas públicas do Estado, com o objetivo de garantir a aquisição de alimentação enteral e paraenteral para os pacientes internados na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Geral Público (HGP), foi protocolado pelo Ministério Público Estadual (MPE) e pela Defensoria Pública Estadual (DPE).  Conforme o MPE,...
Faça o seu cadastro e acesse até 05 matérias exclusivas por mês gratuitamente.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine o Jornal do Tocantins!
QUERO SER ASSINANTE
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários