Após uma investigação interna, o Ministério Público do Estado do Tocantins (MPTO) chegou à conclusão que o prefeito de Aliança, Elves Guimarães (PTB), descumpriu normas sanitárias no enfrentamento da Covid-19. A conclusão levou a 8ª Promotoria de Justiça de Gurupi, Sul do Estado, a pedir o afastamento do prefeito na Justiça. Segundo o pedido do órgão, o gestor se jun...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar o Jornal do Tocantins

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários