A Unidade Prisional Feminina (UPF) de Babaçulândia está com mais da metade da população de mulheres recolhidas no local infectadas pelo novo coronavírus. Das 31 mulheres, 17 testaram positivo para Covid-19, até o dia 28 de maio e mais duas receberam diagnóstico positivo na semana passada.  A informação sobre os 17 primeiros casos é do chefe da UPF Thiago Henriq...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar o Jornal do Tocantins

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários