Em torno de 160 presos da Casa de Prisão Provisória (CPP) de Palmas estão com doenças contagiosas na pele, conforme foi identificado em vistoria realizada na manhã desta terça-feira, 5, pela Defensoria Pública do Estado (DPE). O local, que tem atualmente 777 detentos, passará nesta quarta-feira, 6, por outra vistoria, que conforme o órgão irá fiscalizar as outras celas. Na inspeç...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários