Após o Ministério Público do Tocantins (MPTO) instaurar um procedimentos investigativo com relação a concessão de licenças para desmatamento emitidas na última semana, o Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) reforçou que todas as utilizações emitidas pelo órgão são legais e atendem as exigências do Código Florestal, conforme a Lei nº 12.651/2012.  Em nota, ...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários