Um lavrador que mora na zona rural de Lagoa da Confusão, a 220 km da Capital, levou o maior susto ao descobrir que estava “morto”, ao tentar sacar o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) na Caixa Econômica Federal (CEF). Em janeiro deste ano, Osmar Gomes Barbosa, de 60 anos, foi impedido de sacar o benefício por constar na documentação de seu banco que el...
Faça o seu cadastro e acesse até 05 matérias exclusivas por mês gratuitamente.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine o Jornal do Tocantins!
QUERO SER ASSINANTE
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários