A Justiça condenou a 59 anos e 7 meses de reclusão, em regime fechado, um homem acusado do estupro de suas próprias filhas em Curitiba. De acordo com a denúncia do Ministério Público do Paraná, oferecida pela 1ª Promotoria de Justiça de Infrações Penais contra Crianças, Adolescentes e Idosos da Região Metropolitana de Curitiba, "o homem constrangeu duas filhas, ambas m...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários