Dídimo Heleno

A juíza da 27ª Vara Cível de São Paulo condenou Daniela Petrucci da Silva, que diz ser uma bruxa, a indenizar a escritora e também autointitulada bruxa Márcia Cristina da Silva, por danos morais, por plágio de um livro. A plagiada disse que em 2020 publicou o livro “Bruxaria Hekatina: O Caminha da Bruxa com a Deusa Hekate”.

Em 2021, segundo…

Você se interessou por esta matéria?

Assinar o Jornal do Tocantins

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários