A Polícia Civil (PC) prendeu um homem de 60 anos condenado a mais de 30 anos de prisão por homicídio qualificado nesta sexta-feira, 14, em Porto Nacional. O crime aconteceu em 1986 na zona rural de Natividade e na época, o autor teria abusado sexualmente de uma mulher com transtornos mentais e agredido seu esposo de 70 anos. A condenação pelo Tribunal do Júri ocorreu e...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar o Jornal do Tocantins

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários