Lucas Eduardo de Castro Ramos está condenado a pena de 12 anos de reclusão por matar um homem em uma distribuidora de bebidas no setor Jardim Aureny III, na Capital.  A sentença foi proferida nesta quarta-feira, 20, no Tribunal do Júri em Palmas. Com a determinação, a Justiça acertou a tese do Ministério Público Estadual (MPE) de homicídio qualificado pratic...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar o Jornal do Tocantins

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários