Gestantes que estiveram no Hospital e Maternidade Dona Regina precisaram aguardar horas para fazerem exames nesta terça-feira, 14. Funcionários da unidade de saúde informaram às pacientes sobre falta de papel e solicitaram que as grávidas esperassem a chegada do material para a realização do atendimento. A nora de Ivone da Cruz Penha de Souza, 43 anos, que não qu...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários