Finda nesta segunda-feira, 31, o prazo dado pela Justiça para que o Estado reduza a lotação da Casa de Prisão Provisória (CPP) de Palmas (CPP) para 600 detentos. No entanto, a lotação da unidade permanecia, até a manhã desta segunda-feira,  em 702 detentos, conforme informado no fim desta tarde pela Secretaria de Cidadania e Justiça (Seciju), pasta responsável p...
Faça o seu cadastro e acesse até 05 matérias exclusivas por mês gratuitamente.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine o Jornal do Tocantins!
QUERO SER ASSINANTE
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários