A Polícia civil prendeu uma mulher de 50 anos e uma suposta garota de programa, de 19 anos, por suspeita de exploração sexual de adolescente. A ação ocorreu depois de uma denúncia recebida pelo Conselho Tutelar na madrugada da última quarta-feira, 8, em Alvorada do Tocantins, a 319 km da Capital, onde há uma suposta “casa de prostituição”, conforme a Polícia. De acordo...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários