Segundo relatos médicos, duas pessoas morreram nos últimos dias por falta de medicamento no Hospital Geral de Palmas (HGP). Um dos pacientes não recebeu furosemida, remédio usado para cardíacos, que custa R$ 0,90 centavos. Somente na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), sete pessoas precisam dessa mesma droga. Outro paciente internado no hospital foi a óbito na semana p...
Faça o seu cadastro e acesse até 05 matérias exclusivas por mês gratuitamente.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine o Jornal do Tocantins!
QUERO SER ASSINANTE
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários