Para se chegar à conclusão de que a mancha de óleo que atingiu o litoral no Nordeste nas últimas semanas teve origem em um navio de bandeira grega, a empresa que fez a descoberta recorreu a dados da Nasa, da Airbus e foi sondada pela Agência Brasileira de Inteligência (Abin). A empresa que atuou nas investigações é a HEX, que trabalha com tecnologias geoesp...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários