O Ministério da Saúde decidiu aumentar o intervalo entre as doses da vacina contra Covid-19 para crianças. A bula do imunizante da Pfizer-BioNTech prevê uma diferença de três semanas entre as duas aplicações. O governo federal informou, em entrevista coletiva, na quarta-feira (5), que adotará intervalo de oito semanas. A decisão foi criticada por infectologistas e tamb...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar o Jornal do Tocantins

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários