A Secretaria Estadual da Educação, Juventude e Esportes (Seduc) anunciou nesta quinta-feira, 23, que as aulas da rede estadual, na forma semipresencial, previstas para o dia 3 de agosto foram adiadas para setembro. 
 
A decisão ocorre após o Tocantins aparecer como o estado da região norte com o crescimento no número de mortes por coronavírus, segundo pesquisa da Fiocruz. O estado detém a mais alta média diária de óbitos do país nesse estudo.
 
Não há uma data específica anunciada, segundo o órgão, porque técnicos do órgão estadual estão adequando um planejamento desse retorno às aulas que será apresentado na primeira semana de agosto.
 
“A possibilidade de adequação ao planejamento já era prevista pela Seduc desde o anúncio, em junho, tendo em vista que o retorno às aulas nas unidades de ensino é condicionado ao cenário epidemiológico do Estado”, afirma o órgão em comunicado publicado em seu site.
 
As aulas não presenciais para os estudantes da 3ª série do ensino médio seguem conforme anunciado (de 29 de junho a 31 de julho).